terça-feira, 4 de setembro de 2018

Um ano de “Torpedos de Itaipu” no rádio


Meu programa “Torpedos de Itaipu” está comemorando um ano na Rádio Oceânica FM 24 horas, em 105,9 FM, para quem está na Região Oceânica de Niterói ou em www.oceanicafm.radio.br . O programa vai ao ar as quintas e domingos, 22 horas.

Gosto muito de produzir e apresentar “Torpedos de Itaipu”, que mexe com ideias, música (rock, blues rock, folk e afins), informação, sentimentos variados e no seu primeiro ano acho que consegui chegar perto de meu objetivo principal: programas diferenciados, cada um mostrando novas vertentes, o novo rock feito lá fora pela garotada de 18, 20 anos. Não surpreende. Afinal eles tem a idade que os Beatles e Stones quando começaram, também The Who, Led Zeppelin, etc. Não tem muito esse papo de garoto precoce nesse mundo alternativa.

Logo que pensei em fazer o programa sabia que ia entrar na contramão do mercado musical atual, cuja qualidade prefiro não comentar para não estragar o dia. Toco muitos nomes novos, clássicos do rock e tento trocar ideias com os ouvintes.

O nome do programa partiu do título de um querido livro meu, “Torpedos de Itaipu” (está esgotado), lançado nos anos 90 com crônicas e contos, muitos deles imaginados na praia de Itaipu que durantes muitos anos foi a minha “morada” alternativa. Deixei de ir porque o bar do meu amigo Neno, o Sabino’s, fechou e era lá que encontrava meus amigos para papos que muitas e muitas vezes acabaram 3 horas da manhã. Batizar o programa com o nome do livro foi mais uma homenagem que fiz aquela praia que, quem sabe, voltará a meu menu de opções.



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Opinião não é palavrão. A sua é fundamental para este blog.