terça-feira, 18 de junho de 2019

"Vítima da sociedade" joga bloco de concreto da 10 quilos de passarela e mata motorista




O viciado em crack subiu na passarela e assassinou o motorista jogando sobre o seu carro um bloco de concreto de 10 quilos que estava espalhado com outros por FALTA DE MANUTENÇÃO da prefeitura. A mesma que derrubou o túnel na Lagoa-Barra, a ciclovia na Niemeyer, enfim, destrói o Rio dia após ia.

Eu ia escrever sobre mais esse crime hediondo indiretamente cometido pelo do prefeito do Rio, mas desisti. Desisti porque sinto que os cidadãosde bem estão alheios a tudo, quem sabe cansados de tanta lambança e decepção.

Por isso, vários especialistas acham que se for mantida essa toada de torpor e dormência por parte do eleitor consciente, Crivella pode ser reeleito ano que vem. Ou, tão grave quanto, Clarissa Garotinho pode acabar levando já que o clã dos Garotinhos tem muitos votos na cidade.

Há ainda a suposta candidatura de Marcelo Freixo. Há duas semanas, perguntei a ele pelo twitter se ele pretende se candidatar e ele nada respondeu. Deve estar no modo “não tenho que dar satisfações a ninguém”. Freixo, para mim, é um enigma como administrador. Não tenho ideia de como se sairia como prefeito, que na verdade é um mega síndico.

No mais...nada.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Opinião não é palavrão. A sua é fundamental para este blog.

Inveja - Rubem Alves

Gosto de tomates. Resolvi plantar uns tomateiros lá em Pocinhas do Rio Verde (MG). Amadureceu o primeiro tomate, todo vermelho, com exceçã...